A Chuva de Hoje

Enfim

A chuva veio e com ela

Todos os anseios de dias melhores

De dias de paz, serenidade e harmonia.

Difícil é aceitar

A realidade ao nosso redor,

Tanta insensatez

E imoralidade

Que mesmo com a chuva

Molhando o papel que escrevo

Não deixo de imaginar

Dias em que todos

Tenham acesso de verdade

Aos seus direitos

E dêem eficácia ao seu papel

De cidadão.

Minha história se confunde

Com a história do Brasil

E mesmo calado

Produzo peças

Que o tempo há de juntar

Para a engrenagem

Que move essa nação

Funcionar na plenitude

Utilizando os seus grandes rios

Para pulsar ainda mais

Esse território

Em forma de coração.

Não me aguento

E desfaço toda frieza

Que existe em mim

E pego fogo aquecendo

Quem quer que se perca

Nesse colo agradável

Exalando perfume de paixão.

Só o patriotismo,

Característica intrínseca

Deste louco poeta,

É forte o suficiente para aguentar

As pancadas da vida.

Sorrir com sensatez

E planejar com lucidez

Desenvolvem ações positivas

No pensamento global da sustentabilidade;

A tríade coração, razão e ação

É o basilar

Dessa construção.

Meu coração acelera

Ao ouvir o Hino Nacional,

Mas não há som nenhum tocando

É apenas a lembrança

De algo importante para mim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s